sábado, 14 de abril de 2012

Há uma sensação de rejuvenescimento, em adquirir um novo instrumento e os seus devidos apetrechos. É particularmente agradável descobrir uma reserva de energia - imponderável - que nos abriga, feito timbre inédito, contra o ruído em excesso e a verborragia alheia. Sem mais.