terça-feira, 30 de julho de 2019

Licença para promover um livro de contos detetivescos

Caras e Caros Internautas,

Permitam-me o desplante de lhes estender um convite, a meu ver digno: ajudar na divulgação da campanha para publicação de um livro de contos policiais do qual participo. Trata-se da versão ficcional de um dos crimes que sujam a história da cultura luso-brasileira, que intitulei "O Assassinato de Cláudio Manuel da Costa".
Além do excerto inicial, talvez possa lhes interessar o fato de que o texto foi escrito entre a manhã e a noite de um domingo (dia final para a inscrição e envio do material para a Luva Editora). O conto se liga diretamente aos estudos em que tenho me concentrado nos últimos seis anos: a poesia produzida na América Portuguesa, entre o século XVIII e o XIX, a que os manuais dão o discutível nome de "Arcadismo".
Explico-lhes como a campanha funciona. Trata-se de uma edição colaborativa. Cada um das(os) interessadas(os) contribuiu com uma quantia determinada (há várias opções, no site) e adquire um ou mais exemplares do livro, que terá 18 contos. Dentre os brindes disponíveis, há caderneta, marcador de página etc.
Muito obrigado. 

Vosso humilde criado, J. P. C., aos 30 dias de julho de 2019 d. C., na Pauliceia, Terra Brasilis, Planeta Terra.

Post scriptum: links para o site + uma ilustração do conto:

https://www.catarse.me/crimenacional?ref=ctrse_explore_pgsearch&project_id=99433&project_user_id=1144927
 
https://www.facebook.com/luvaeditora

Arte: Carolina Mancini
 
A imagem pode conter: 1 pessoa

Nenhum comentário:

Postar um comentário